• Um caldeirão de pura cultura baiana

    Forró na Bahia

    SecultBA divulga projetos selecionados na terceira chamada do Edital de Mobilidade




    A terceira seleção pública de 2017 do Edital de Mobilidade Artística e Cultural selecionou 15 propostas com atividades previstas entre novembro/2017 a janeiro de 2018. Foram analisadas 53 propostas consideradas inscritas. Dos projetos, a maioria dos proponentes vem da Região Metropolitana do Salvador, mas foram contemplados também os territórios do Recôncavo, Litoral Sul, Sudoeste, Médio Rio de Contas e Portal do Sertão. Os resultados estão disponíveis no site da SecultBA.

    Projetos como o espetáculo Bululu – Estórias da Invenção do Mundo, do grupo Toca de Teatro, que viajou por Portugal no mês de julho, trazendo na bagagem o prêmio de Melhor Espetáculo no festival de Arte do Porto. A chamada envolve recursos de R$ 250 mil, com limite individual de R$ 50 mil para projetos de intercâmbio e difusão; e R$ 25 mil para Residência Artística e Cultural e Formação Artística e Cultural. O Edital de Mobilidade é uma das linhas de incentivo do Fundo de Cultura da Bahia – Secretarias da Fazenda e da Cultura.

    A seleção pública tem o objetivo de permitir a circulação de projetos e também possibilitar ações de intercâmbio, proporcionando aos artistas vivenciarem experiências em outras praças do Estado, do Brasil e outros países. “O edital visa justamente permitir que a produção local circule e que os artistas e produtores possam vivenciar novos conhecimentos, divulgando nossos produtos e trazendo de volta na mala muita experiência”, afirma o superintendente de Promoção Cultural Alexandre Simões.

    Segundo ele, a cada edição cresce o número de inscrições com propostas dos mais diversos segmentos. “A marca dessa linha de fomento é a diversidade e o objetivo vem sendo alcançado apresentando ao País e ao Mundo o que se produz de bom na Bahia”. Um dos pontos positivos que o edital somou foi o aumento considerado de propostas vindas dos 27 territórios de identidade da Bahia. 

    Toca de Teatro – Com os prêmios Braskem de Melhor Espetáculo e de Melhor Ator – dividido entre Danilo Cairo e João Guisanda - em 2016 para a peça Bululu – Estórias da Invenção do Mundo, o grupo Toca de Teatro foi um dos selecionados do primeiro Edital de Mobilidade em 2017 – na linha de Intercâmbio e Difusão. O apoio garantiu a comemoração dos 10 anos da trupe com a realização de uma turnê em Portugal. A peça tem direção de Moncho Rodriguez.

    Foram 10 apresentações programadas e mais quatro convites que surgiram no período em que estiveram no Velho Mundo, rendendo ainda a premiação como Melhor Espetáculo no Festival de Arte do Porto. O ator e produtor Danilo Cairo conta que o grupo foi muito bem recebido em Portugal. “Essa foi nossa primeira turnê com espetáculo. Já tínhamos participado de montagens no País, mas o projeto foi um grande sucesso, gerando muitos convites para outras apresentações”.

    Como contrapartida ao Edital de Mobilidade, o Toca de Teatro vai realizar duas apresentações gratuitas nos dias 2 e 3 de setembro, no Teatro Sesi do Rio Vermelho, às 20h e mais uma oficina e bate papo com atores e produtores, no Forte do barbalho, nos dias 5 e 6 de setembro, no período da tarde. As inscrições devem ser feitas através do e-mail tocaproducao@gmail.com .

    A SecultBA proporciona atendimento através da Central de Atendimento Integrado para orientar interessados e proponentes. A Central funciona de segunda a sexta-feira, das 14h às 17h, através do telefone (71) 3103 3489, e-mail mobilidade@cultura.ba.gov.br ou presencialmente, no endereço Palácio Rio Branco, Praça Thomé de Souza, s/n, térreo – Centro, CEP: 40.020-¬010 – Salvador/Bahia.

    0 comentários: