• Um caldeirão de pura cultura baiana

    Forró na Bahia

    SamBRA – 100 Anos de Samba




    Após temporada de sucesso no Rio de Janeiro e São Paulo, onde foi aplaudido de pé por personalidades como Beth Carvalho, Paulinho da Viola, Arlindo Cruz, Jorge Aragão, Marisa Monte e Caetano Veloso, o espetáculo SamBRA – 100 Anos de Samba chega a Salvador para duas apresentações, nos dias 4 e 5 de junho, no Teatro Castro Alves. Escrito e dirigido por Gustavo Gasparani, o musical, que marca a estreia de Diogo Nogueira como ator, já foi visto por mais de 18 mil pessoas em sessões completamente lotadas, e conta a trajetória do Samba, em clima de comemoração do primeiro centenário do gênero musical.

    A montagem, apresentada pelo Bradesco e patrocinada pela Localiza, leva a assinatura da Musickeria CORP e Aventura Entretenimento. Juntas, as duas empresas apostaram na ideia de Washington Olivetto, que as uniu ao Bradesco para contar a história do centenário do gênero musical mais característico do país. “SamBRA” é um projeto multiplataforma, que prevê diversas outras ações, como o lançamento de um livro, um ambiente web, uma Web Rádio e um ciclo de encontros.

    O espetáculo é composto de prólogo, abertura e mais 14 quadros, com cerca de 2h30 de duração. A narrativa é feita de forma quase cronológica e conta desde a história de “Pelo Telefone” – supostamente o primeiro samba gravado no país –, passa pelo berço do samba – a Praça XI –, visita os morros cariocas, o teatro de revista, fala de boemia e malandragem, passeia pelo samba politizado, pelos subúrbios cariocas e deságua na apoteose do samba na Avenida, no desfile das escolas de samba através de cerca de 70 canções.

    “SamBRA é uma grande viagem, irreverente e lúdica, onde o samba é a inspiração, o protagonista”, explica o autor e diretor do espetáculo, Gustavo Gasparani, que mergulhou durante três meses em uma profunda pesquisa. O texto relembra todos os grandes nomes deste gênero musical, de Pixinguinha a Cartola, passando por Carmen Miranda, Grande Otelo, Clara Nunes, Noel Rosa, Chico Buarque e Martinho da Vila.

    ELENCO – Além de Diogo Nogueira, o espetáculo terá também Izabella Bicalho, protagonista de musicais como “Gota D´Água” e “Era nos Tempos do Rei” e novelas como “Roque Santeiro” e “Ti Ti Ti”; a atriz, autora e produtora Ana Velloso, de “Clara Nunes – Brasil Mestiço”, “O Bem do Mar” e “A Aurora da Minha Vida”; Beatriz Rabello, estrela de “Divina Elizeth” e filha de Paulinho da Viola; Lilian Valeska, uma das protagonistas do seriado “Sexo e as Negas”; e mais Patricia Costa, Bruno Quixotte, Edio Nunes, Wladimir Pinheiro, Alan Rocha, Cristiano Gualda, Catia Cabral, Patricia Ferrer, Pablo Dutra, Paulo Mazzoni, Shirlene Paixão e Isnard Manso.



    SERVIÇO:
    SamBRA com Diogo Nogueira
    04 e 05 de junho (quinta e sexta), 21h
    Teatro Castro Alves
    Classificação: Livre
    Ingressos: R$ 150/R$ 75 (Plateia A a X), R$ 120/R$ 60 (Plateia Y a Z6) e R$ 50/R$ 25 (Z7 a Z11)


    Fonte: José Mion - Como Comunicação

    0 comentários: