• Um caldeirão de pura cultura baiana

    Forró na Bahia

    Literatura de Cordel chega ao bairro de Sussuarana




    A magia da Literatura de Cordel, que já tem espaço garantido no bairro da Boca do Rio, chegará à Sussuarana neste domingo (05) com mais uma etapa do projeto Cordel na Boca – ganhador do Edital Mais Cultura, na categoria Literatura de Cordel Patativa do Assaré, do Ministério da Cultura (Minc). A ação que pretende formar jovens multiplicadores da Boca do Rio chega a sua segunda etapa. A ideia agora é visitar outras comunidades e instituições de Salvador e levar o conhecimento absolvido nos últimos meses nas formações que ocorrem desde maio. A primeira beneficiada nesta segunda etapa está localizada no bairro de Sussuruana e trata-se da ONG Oloruns da Arte. 

    O primeiro estágio do projeto resultou na criação de 30 livretos de cordel que serão expostos em uma mostra prevista para o dia 26 de agosto. A programação da mostra prevê ainda a realização de uma típica feira popular nordestina e recital dos cordéis produzidos durante o Cordel na Boca. De acordo com a jovem Marcela Lima Góes, o aprendizado foi prazeroso e intenso. “Aprendemos brincando. Foi desafiador trazer a linguagem de cordel para o corpo e para a voz. Tive dificuldade de encontrar a rima certa e isso nos desafiou constantemente. Nosso papel será agora passar adiante este conhecimento e contribuir para que o cordel continue vivo em nossa cultura”, explica. 

    O projeto Cordel na Boca, realizado pela ONG Bumbá – Escola de Formação Artística, ocorre desde maio e formou 15 jovens que tiveram oportunidade de mergulhar na história do Cordel, nos principais autores, e foi realizado com visitas guiadas, produção literária, dramatizações, entre outros momentos pedagógicos que pretenderam introduzir os jovens atendidos cada vez mais neste universo ainda pouco explorado pela maioria – a Literatura de Cordel. 


    SERVIÇO 
    O quê: Projeto Cordel na Boca 
    Onde: Espaço de Dona Joana - Rua direta de Sussuarana, Av. Ulisses Guimarães
    (ao lado do restaurante Ki Delícia, próximo ao Fórum da Justiça)
    Quando: às 09h 
    Quanto: Gratuito


    Fonte: Tatiane Sacramento - Incult Comunicação 


    0 comentários: