• Um caldeirão de pura cultura baiana

    Forró na Bahia

    Forró no Pelô



    (Del Feliz)

    O forró será retomado na terça-feira no Pelô (19/06), com Zelito Miranda, no Largo Pedro Archanjo, às 21h, e com Zé Costa e Banda no Largo Quincas Berro D’Água. Considerado o “Rei do Forró temperado” por misturar elementos do autêntico forró tradicional com o que há de mais moderno, Zelito apresentará um repertório com músicas como Radinho de Pilha, Um Matuto em Nova York e Americanizado. O poeta e cantador Zé Costa reunirá eternos e novos sucessos, reunindo públicos de todas as idades que acompanharão o mais puro ritmo nordestino. 

    Na quarta-feira (20/06) será a vez do forrozeiro Del Feliz se apresentar no Largo Pedro Archanjo, às 21h. Com o CD “Pé e Cabeça”, lançado recentemente, o artista apresentará 11 canções inéditas. “Misturei canções populares com clássicos do forró e composições minhas. O pé é o forró e a cabeça está aberta para as novidades do mundo”, explica o artista. Del Feliz fez releituras de Benito di Paula na música Amigo do Sol, Amigo da Lua e de Tim Maia com o clássico Um dia de Domingo. Além disso, o artista fará uma homenagem a Luiz Gonzaga, cantando duas composições do Rei do Baião. 

    No Largo Quincas Berro D’Água, Dinho Oliveira apresentará o projeto “Cordeliando o destino”, buscando valorizar os ritmos do cancioneiro nordestino como o Coco, Reisado, Xote e o Samba-de-Roda, inserindo arranjos atuais. Neste projeto, Dinho apresentará composições próprias como Pra te iluminar e Zélia & Jorge, esta última é em homenagem aos escritores Zélia Gatai e Jorge Amado, que foi composta em parceria com Gutembergue Vieira. 

    O projeto Ciclo de Festejos Juninos no Pelô 2012 habilitou artistas que poderão realizar apresentações musicais no Centro Histórico durante o mês de junho, incluindo os ensaios pré São João. No total, 55 artistas ou bandas foram selecionadas nas modalidades musicais que integram o projeto. Os credenciados contam com repertório junino em forró eletrônico, universitário, tradicional ou trios de forró. A ideia é apresentar no Pelourinho uma programação junina para todo o mês de comemorações, garantindo bastante forró nos largos do Pelô, além de fazer com que os espaços que já reúnem os amantes do tradicional ritmo nordestino tornem-se ponto de encontro.


    Serviço

    O quê: Zelito Miranda 
    Quando 19/06 (terça-feira) 
    Onde: Largo Pedro Archanjo l 21h 
    Quanto: Gratuito 

    O quê: Zé Costa e Banda 
    Quando 19/06 (terça-feira) 
    Onde: Largo Quincas Berro D’Água l 21h 
    Quanto: Gratuito 

    O quê: Del Feliz 
    Quando 20/06 (quarta-feira) 
    Onde: Largo Pedro Archanjo l 21h 
    Quanto: Gratuito 

    O quê: Dinho Oliveira 
    Quando 20/06 (quarta-feira) 
    Onde: Largo Quincas Berro D’Água l 21h 
    Quanto: Gratuito


    Fonte: Texto & Cia 


    0 comentários: