• Um caldeirão de pura cultura baiana

    Forró na Bahia

    MAM-BA oferece Formação em Audiovisual Contemporâneo




    Com o intuito de realizar produtos e pesquisas por meio de tecnologias móveis na arte contemporânea, o projeto de Formação em Audiovisual Contemporâneo e Mídia Locativa (FACMIL), que acontece no MAM-BA de março até agosto de 2012, realiza cursos de iniciação e de formação continuada, além de encontros formativos. Ao final do processo, uma mostra será realizada no museu ainda em agosto, com todos os filmes e vídeos produzidos pelos participantes. 

    O curso de Formação Continuada em Audiovisual Contemporâneo se desenvolve em quatro módulos independentes, com 30 vagas cada, e é destinado a profissionais, artistas e estudantes que trabalham com cinema, audiovisual, arte eletrônica e se interessam por produções com tecnologias móveis em espaços urbanos. 

    O curso de Iniciação em Audiovisual e Mídias Locativas, por sua vez, é voltado para jovens acima de 16 anos e pretende prover os alunos de uma ampla visão acerca de recursos e técnicas audiovisuais. As 25 vagas disponibilizadas em cada uma das quatro seções independentes são destinadas às instituições de ensino público e ONGs e aos demais interessados. 

    As inscrições do primeiro módulo para ambos os cursos ocorrem até 02 de março através do e-mail: labmam@bahiamam.org. As oficinas exigem a seleção dos interessados. Para o curso de formação, o candidato deve enviar currículo e carta de interesse e expectativas para o e-mail indicado. Já para o de iniciação, apenas a carta é necessária, com os interessados se destinando ao museu no dia 06 de março para seleção presencial com o Núcleo de Arte e Educação (NAE) do MAM-BA. 

    Sempre aos sábados, das 9h às 13h e das 14h às 18h, o curso de formação continuada terá o primeiro módulo – intitulado Cinema, documentário & vídeo-arte: semelhanças, diferenças e produção e realizado pelos educadores Wallace Nogueira e Marcela Costa – entre os dias 17 de março e 14 de abril. A intenção é fazer um projeto artístico individual orientado ao final de cada bloco de encontros, no qual serão trabalhados temas e formas de abordagem dos problemas apresentados. Os mesmo educadores dão continuidade ao curso com o módulo seguinte: Linguagens do audiovisual e edição, com começo previsto para 05 de maio. Karla Brunet, Paulo Alcântara e Toni Oliveira realizam a terceira seção, a partir de 02 de junho, que trabalhará com Audiovisual e espaço: mídia locativa e narrativa não-linear. Audiovisual e interatividade – experimentações com Arduino e PureData inicia em 21 de julho e é o último módulo do curso de formação continuada, com Fernando Krum. 

    A intenção de ambos os cursos é aliar teoria e prática em um processo coletivo de criação, no qual serão discutidos conceitos e técnicas da linguagem audiovisual, além da realização de filmes e vídeos em espaços urbanos, através de tecnologias digitais e mídias locativas. A proposta do projeto está alinhada ao interesse de pesquisa da sua curadora educativa, a artista visual e professora da UFBA Karla Brunet, tendo em vista que, atualmente, seu intento é trabalhar com a ideia de um lugar e de como as pessoas interagem com este ambiente. 

    A disponibilização de cursos de novas tecnologias para o público é um interesse antigo do MAM-BA. Buscávamos caminhos e estratégias para alcançar essa finalidade, quando surgiu o FACMIL, realizando uma produção coletiva e colaborativa com tecnologias móveis. O apoio do Museu ao projeto acontece em um momento propício, pois vamos inaugurar um espaço permanente para oficinas e cursos de novas tecnologias, o LABMAM”, esclarece Stella Carrozzo, diretora do MAM-BA. 

    Fonte: Thais Seixas - Nucleo de Comunicação MAM-BA 


    0 comentários: