• Um caldeirão de pura cultura baiana

    Forró na Bahia

    Ainda dá tempo de ver a obra de Hans Peter




    O artista plástico Hans Peter Gutmann inaugurou 1º de fevereiro, na Galeria Moacir Moreno, no Theatro XVIII, a exposição Serurbano. A mostra reúne 12 esculturas em ferro e madeira que têm como tema central o homem urbano. “Aquele que constrói seu mundo para viver”, explica o artista. 

    Entre as obras expostas está um robô que, contrapondo a ideia de um artigo escrito pelo cientista Russo Dmitry Itskokov, em que defende a criação de corpos cibernéticos para abrigar almas de pessoas. “Minha ideia foi juntar nossos cérebros às máquinas infalíveis”, diz Hans Peter que desenvolveu um robô pedinte, como aquelas pessoas que sentam nas calçadas das ruas pedindo dinheiro, fazendo uma alusão a nossa história, inspirado na semelhança com a nossa realidade social, criada pelo homem e esquecida pela vaidade da genialidade. 

    Hans defende que não quer trazer nada pronto. “Preciso da criação e da memória do observador para finalizar minha obra de arte. Dai que as coisas são apenas uma sugestão daquilo que está na cabeça dos “seres urbanos”, explica. 

    Além do robô, a mostra reúne um metalon de cinco metros que m sugere duas cobras entrelaçadas se acariciando, um peixe, um sapato ou mesmo uma placa de sistema de computador que provocam algumas reações pela peculiaridade única da forma moldada pelo artista. 

    Essa exposição é simples. São poucas peças e não posso encher de obras grandes, mas deu para fazer um apanhado do meu trabalho com ferro, de uma forma simples. Gosto de desenhar com o ferro, mas interesso-me por outros materiais e as misturas, principalmente quando é inserido a historia do material como o quadro da torneira e ferro que sugere uma cena”. 

    A exposição é mais ou menos um passeio pela arte de Hans Peter. Um convite para alimentar a alma. A mostra segue em cartaz até o dia 29 de fevereiro. 


    Serviço
    Galeria Moacir Moreno - Theatro XVIII
    Abertura: 1º de fevereiro, às 19 horas
    Visitação: de 02 a 29 de fevereiro, das 15 às 21 h, exceto terças-feiras 

    Fonte: Mateus Santiago 




    0 comentários: