• Um caldeirão de pura cultura baiana

    Forró na Bahia

    Sarau Bem Legal trará recital de poesia e diversão para a criançada no Pelô





    A garotada que visitar o Pelourinho durante o seu dia – 12 de outubro – encontrará uma tarde de diversão e cultura. Isso, porque o projeto Circuito Crianças no Pelô 2010, agenda criada especialmente para o dia dedicado aos baixinhos pelo Pelourinho Cultural, programa da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia, levará uma extensa programação recheada de atividades culturais para o Centro Histórico. Dentre as atrações está o Sarau Bem Legal que poderá ser apreciado pelo público que comparecer ao Largo Tereza Batista, das 14h às 18h. O Sarau, idealizado pelo Coletivo Blackitude, tem como objetivo a interação das crianças com a poesia através de um recital aberto. O evento contará com a participação dos grupos Este Tal Recital e Calabar Força Total. Um microfone será instalado no local para que os poetas infantis que estiverem na plateia também possam participar com poesias e improvisos. Para ilustrar o sarau, um varal poético com textos, desenhos e pinturas mostrará o talento dos pequenos que participarem do projeto. No intervalo das apresentações, as crianças poderão participar de minioficinas de break e de graffiti. Para finalizar a programação, o projeto realizará um bailinho com o DJ J.O.E. para toda criançada sair do chão.


    Recital de Poesia – Os grupos participantes do recital de poesia Este Tal Recital e Calabar Força Total abrirão a tarde poética para a galerinha. O grupo Este Tal Recital é o anfitrião do projeto Sarau Bem Legal e mostrará o trabalho de crianças entre 8 e 12 anos. A direção geral é de Nelson Maca. Já o grupo convidado Calabar Força Total, formado por crianças entre 7 e 13 anos, apresentará à garotada o prazer da leitura e escrita. Nomeado a partir do bairro onde foi fundado, o grupo tem no seu repertório poemas de Castro Alves, Cecília Meireles, Fernando Paixão, Mario Quintana, entre outros. A direção dele é da poetisa e pedagoga Nildes Trigueiro.


    Fonte: Texto & Cia


    0 comentários: