• Um caldeirão de pura cultura baiana

    Forró na Bahia

    O rock dos pernambucanos da Mombojó irá ecoar no Pelourinho amanhã (28)




    Quatro anos após o lançamento do seu segundo CD (Homem-Espuma – 2006) e dois anos após a última apresentação da banda na capital baiana, o grupo pernambucano Mombojó voltará a Salvador no dia 28 de agosto para apresentar o seu mais novo trabalho, o CD Amigos do Tempo, como parte da agenda do Pelourinho Cultural, programa da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia. O show, que será no Largo Tereza Batista a partir das 19h, contará também com o rock tropical da banda baiana Maglore e com a discotecagem eletrizante do DJ el Cabong.

    Formada atualmente por Felipe (vocal e guitarra), Chiquinho (teclado e sampler), Samuel (baixo), Marcelo (guitarra) e Vicente (bateria) o Mombojó volta à ativa, após um período de readaptação à sua nova realidade de quinteto, com um trabalho influenciado pelo lounge e R&B (Rhrythm and Blues), estilo musical que se desenvolveu a partir do blues, soul e funk. O rock indie do Mombojó também ganha quê a mais de música eletrônica em Amigos do Tempo. “Perdemos quatro braços para tocar instrumentos, então acabamos recorrendo a alguns samplers feitos por nós” afirma Chiquinho ao se referir à perda do flautista Rafael Torres, falecido em 2007 e à saída do violinista Marcelo Campello, no ano seguinte.

    O novo disco, que será apresentado à Bahia pela primeira vez no Pelourinho, foi gravado ao longo de três anos e em mais de oito estúdios diferentes e conta com a participação de convidados especiais como a Orquestra Jovem do Conservatório Pernambucano de Música e a Orquestra Sinfônica do Recife. Segundo o tecladista do grupo, a expectativa para o show é a melhor possível. “Salvador é sem dúvidas um dos lugares onde mais gostamos de tocar”, diz Chiquinho.

    Com uma trajetória curta, mas cheia de sucesso, a banda Maglore irá abrir a noite com seu som leve e contagiante. Nascida em 2009, em busca de um estilo que mescla a elegância do folk e do rock britânico à descontração das harmonias latinas, a Maglore é atualmente composta por Igor Andrade (bateria), Leo Brandão (guitarra, teclado e vocais) Nery Castro (contrabaixo) e Teago Oliveira (guitarra, voz e composições). A animada noite de música no Largo Tereza Batista contará ainda com a presença do jornalista, blogueiro e DJ soteropolitano Luciano Matos, mais conhecido na cena musical como el Cabong.

    Para aqueles que quiserem garantir seus ingressos para o show no Pelourinho, as entradas custam R$40 (inteira) e R$20 (meia) e já estão a venda na Zauber Multicultura (Pelourinho), na Trench Town (Galeria Madson Plaza, Pituba) e na Urbanorama (Rio Vermelho). Quem quiser, pode optar por pagar R$30 (inteira) ou R$15 (meia) e contribuir com 2 quilos de alimentos não-perecível, que serão doados para a Sociedade Beneficente Ilê Axé Opo Aganju.


    Fonte: Texto & Cia


    0 comentários: