• Um caldeirão de pura cultura baiana

    Forró na Bahia

    Festival LadoBa reúne estilos diversos na programação do Pelourinho no dia 24








    Resultado de dois meses de atividades do projeto Rede Motiva, que integra o programa Conexão Vivo, o Festival LadoBa acontece no dia 24 de julho, no Centro Histórico de Salvador, com apresentações das bandas O Círculo, SubAquático, Grupo Botequim e do instrumentista Amadeu Alves. O evento, que faz parte da agenda do projeto Pelourinho Cultural, programa da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia, irá acontecer a partir das 20h, de forma alternada, nos palcos dos Largos Tereza Batista e Pedro Archanjo. Os shows vão contar ainda com a participação especial da banda baiana Radiola e do músico catarinense Wado.


    Rock, samba e música instrumental. Esses são exemplos dos estilos que serão apresentados durante o Festival. Os quatro grupos foram selecionados entre os 24 que participaram de atividades do Rede Motiva em Salvador. “O objetivo não é apenas oferecer ao público atrações diversificadas, mas também fortalecer a articulação de toda a cadeia da música baiana a partir de parcerias entre artistas, produtores e casas de espetáculo”, explica o músico e produtor cultural Vince de Mira, um dos coordenadores do projeto.

    Proposta inédita com o objetivo de expandir as redes de trabalho ligadas à música na Bahia, o projeto Rede Motiva é uma estrutura regional do programa Conexão Vivo, iniciativa da Vivo voltada ao desenvolvimento do setor musical brasileiro, e é realizado em parceria com o programa Fazcultura, da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia. “Em menos de dois meses, conseguimos estruturar redes de música em Salvador, Juazeiro, Vitória da Conquista e Ilhéus”, diz Mira.


    As ações estruturantes partiram das Semanas de Integração, que levaram às quatro cidades contempladas pelo projeto laboratórios temáticos direcionados gratuitamente a todos os agentes da cadeia produtiva da música. Durante o período, os participantes se envolveram em atividades como mesas-redondas e oficinas como empreendedorismo, criação e produção, difusão e sustentabilidade. Em Salvador, as ações foram realizadas na sede da ONG Eletrocooperativa, na Praça das Artes, Pelourinho, e na Casa da Música, em Itapuã.


    Ao final, o projeto irá gerar um documentário sobre todo o processo de implantação e realização dos laboratórios, mostras e festivais, além de uma coletânea com o material produzido pelos artistas nas cidades inseridas no circuito. A partir de 2011, o Rede Motiva irá contemplar, além da Bahia, os estados do Pará, Pernambuco e Espírito Santo, com o intenção de estreitar os laços entre os agentes do setor e os coletivos dessas regiões e implantar o projeto em novos lugares para promover a melhoria dos processos de articulação, circulação e intercâmbio entre os artistas e grupos do Brasil.


    Fonte: Texto & Cia


    0 comentários: